domingo, 1 de maio de 2011

Cuide, cultive, queira o bem. O resto vem!

Se você ama, diga que ama. Diga o seu conforto por saber que aquela vida e a sua vida se olham amorosamente e têm um lugar de encontro. Diga a sua gratidão. O seu contentamento. A festa que acontece em você toda vez que lembra que o outro existe. E se for muito difícil dizer com palavras, diga de outras maneiras que também possam ser ouvidas. Prepare surpresas. Borde delicadezas no tecido às vezes áspero das horas. Reinaugure gestos de companheirismo. Mas, não deixe para depois. Depois é um tempo sempre duvidoso. Depois é distante daqui. Depois é sei lá...
(Ana Jácomo)

7 comentários:

Natália Rocha disse...

Muito lindo este texto da Ana!
Concordo com ela.
Quando se ama tem que se deixar claro o que se sente, seja com palavras, seja com pequenos gestos.

Beeijo, Rô!
Bom domingão pra você!

Andressa disse...

Depois é distante daqui. Depois é sei lá...

Van disse...

Amor precisa ser verbalizado sim!

Bom domingo

Lidi disse...

A festa que acontece em você toda vez que lembra que o outro existe.

e há viuuu!
um carnaval enorme!!!
isso que acontece dentro da gente é tão lindo e perfeito que palavras nenhuma expressa corretamente isso!

Flá Costa * disse...

Adoro textos que falam de amor. Adoro quando eles falam em falar do amor rs..

Beijinhos!

Biiiii *-* disse...

Bom flor, como o texto disse precisamos expressar nossos sentimentos, assim como o filme " COMO SE FOSSE A PRIMEIRA VEZ", devemos reconquistar quem amamos todos os dias mesmo que isso nos pareça muito complicado, o amor é assim, e parabens pela escolha do texto.

Amanda Lemos disse...

Muito interessante o blog !
Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada, seguir...;

www.bolgdoano.blogspot.com

Muito Obrigada, desde já !