quarta-feira, 30 de maio de 2012

"Eu gosto das pessoas pelo prazer de gostar e não porque deu tempo de gostar delas. 
E ninguém entende nada. E todo mundo se assusta. 
Mas prometo ser uma mulher normal dessa vez."


Tenho tentado, mas o que é ser normal?
Eu tenho sentimentos demais, e tudo dói demais em mim.
Eu deveria treinar a insensibilidade? Não consigo...
Já tentei não me apegar... mas sou 8 ou 80. Ou eu gosto muito ou nao faz diferença.
Daí a vida, a relação, nao tem graça...
Alguém com um bom conselho pra me ajudar?

7 comentários:

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Viver
é estar
diante
da intensidade
da vida.
Assim,
as emoções
são sinais,
de que esta vida
vale a pena.

Que os sonhos te acompanhem sempre.

Tati Lemos disse...

querida eu sou essa, sou simplesmente assim.
É triste não poder gostar só um pouquinho ou odiar só um pouquinho é tudo por inteiro, a gente ama por inteiro também.

Beijo querida, tem histórinha nova la no blog.

♥ Luciana de Mira ♥ disse...

Flor, descanse o coração, é a melhor coisa.

O Profeta disse...

Um sótão cheio de lembranças
Escrevi no pó palavras sem nexo
Retirei uma cartola de uma caixa de cartão
E senti ao toque o poder da ilusão

Ilusões…
Um cavalo de pau perdido ao carrocel
Uma estola de um bicho qualquer
Uma escultura talhada a cisel

Uma foto a preto e branco
De uma mulher sem rosto
Uma janela virada para nenhum lado
Uma traquitana a imitar o sol-posto

Bom fim de semana

Mágico beijo

Myla disse...

quando souber me ensina?

Ludi disse...

Conselho? Faça o que você acha que tem que ser feito, afinal, a vida é uma só!
Beijão

disse...

vou viver...